Siga-nos:

Notícias

Curso de gestão florestal sustentavel em povoamentos de sobreiro e azinheira. Gestão de Riscos Bióticos e Abióticos. Portel (Portugal)

  • 04 Dezembro 2018
Este curso forma parte de las acciones desarrolladas en el marco del proyecto y tiene como objetivo transmitir conocimientos en áreas relacionadas con la gestión de riesgos bióticos y abióticos en los asentamientos de alcornoques y encinas que permitan a los técnicos/gestores adquirir competencias científicas más recientes sobre estas temáticas. Se trata de una cuestión esencial para garantizar una mejor sostenibilidad del sistema.

Cerca de 500 pessoas irão assistir em Badajoz ao III Congresso Ibérico da Dehesa e do Montado

  • 14 Novembro 2018
Cerca de 500 pessoas, entre proprietários, empresários, técnicos e investigadores irão reunir-se no III Congresso Ibérico da Dehesa e do Montado, que se celebra em Badajoz na próxima semana.

O prazo de inscrição para o III Congresso DA Dehesa e do Montado estará aberta até ao dia 22 de Outubro

  • 09 Outubro 2018
O prazo de inscrição para assistir ao III Congresso da Dehesa e do Montado que se vai realizar em Badajoz nos dias 20 e 21 de novembro, termina na próxima segunda-feira, dia 22 de outubro.

ABIERTO EL PLAZO DE INSCRIPCIÓN PARA EL III CONGRESO IBÉRICO DE LA DEHESA Y EL MONTADO

  • 10 Setembro 2018
Los días 20 y 21 de noviembre la Institución Ferial de Badajoz (IFEBA) acogerá el III Congreso Ibérico de la Dehesa y el Montado. La inscripción es gratuita y puede formalizarse desde hoy a través de la página web del Observatorio de la Dehesa y el Montado (http://observatoriodehesamontado.juntaex.es/iiicongresodehesamontado).

Badajoz terá em Novembro o III Congresso Ibérico da Dehesa e do Montado

  • 12 Julho 2018
O III Congresso Ibérico do Prado e do Montado celebra-se nos dias 20 e 21 de novembro, em Badajoz. Trata-se da terceira edição de um fórum onde se reunirão gestores, proprietários, empresas, associações, investigadores e entidades vinculadas a este ecossistema. O seu objetivo é reflexionar sobre a situação que atravessa o prado e o montado português, dando resposta às questões que influem de forma negativa na sua conservação mas também fazendo ênfase no seu importante valor económico e do meio ambiente.